Da observação à não-mente – Osho

Da observação à não-mente

Osho, como o observar conduz à não-mente? Eu estou conseguindo cada vez mais observar o meu corpo, os meus pensamentos e sentimentos e isso é lindo. Mas os momentos sem pensamento são poucos e distantes entre si. Quando eu ouço você falando “meditação é testemunhar”, eu sinto que eu entendo. Mas quando você fala sobre não-mente, isso não parece ser fácil, de jeito algum. Você poderia comentar?

“Prem Anubuddha, meditação abrange uma peregrinação muito longa. Quando eu digo ‘meditação é testemunhar’, isto é o começo da meditação. E quando eu digo ‘meditação é não-mente’, isto é o encerramento da peregrinação. Testemunhar é o começo e não-mente é a realização. Testemunhar é o método para alcançar a não-mente. Naturalmente você sente o testemunhar mais fácil, pois ele está próximo de você.


Mas testemunhar é como uma semente, existe um longo período de espera. Não apenas espera, mas confiança de que a semente vai brotar, que ela vai se tornar um arbusto, que um dia a primavera virá e o arbusto irá florescer. Não-mente é o último estágio do florescimento.

Semear as sementes, naturalmente é muito fácil, está em suas mãos. Mas fazer com que as flores apareçam está além de você. Você pode preparar todo o solo, mas as flores surgirão por elas mesmas; você não consegue forçá-las a aparecer. A primavera está além do seu alcance, mas ela vem, isso é absolutamente garantido; e se a preparação for perfeita…

É perfeitamente bom o jeito como você está indo. Testemunhar é o caminho e você está começando a sentir, uma vez ou outra, momentos sem pensamentos.

Esses são vislumbres de não-mente. …mas, só por uns momentos.

Lembre-se de uma lei fundamental: aquilo que pode existir por um momento também pode se tornar eterno. Você não dispõe de dois momentos juntos, mas sempre de um momento. E se você puder transformar um momento em um estado de não pensamento, você está aprendendo o segredo. Então não haverá obstáculos, nenhuma razão para que você não possa mudar o segundo momento que também virá sozinho, com o mesmo potencial e a mesma capacidade.

Leia mais no link http://www.oshobrasil.com.br/texto33.htm

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s