No Absoluto, nada há de coisas deste tipo

Se agora vocês saírem por aí utilizando a mente para buscar a Mente, ouvindo o
ensinamento dos outros, e esperando atingir o objetivo através meramente do aprendizado, quando você jamais terá sucesso? Alguns dos antigos tinham mentes aguçadas; logo que ouviam a Doutrina proclamada e imediatamente descartavam todo o aprendizado. Assim eram chamados ‘Sábios que abandonaram o aprendizado, e que vieram descansar na espontaneidade’. Nestes dias de hoje as pessoas somente tentam se estufar com conhecimentos e deduções, buscando por toda parte por conhecimentos de livros e chamando isso de ‘prática do Dharma’. Eles não sabem que tanto conhecimento e dedução tem justamente o efeito contrário de empilhar obstáculos. Meramente adquirindo um tanto de conhecimento lhe torna semelhante a uma criança que fica com indigestão engolindo doces demais. Aqueles que estudam o Caminho de acordo com os Três Veículos são todos assim. Tudo que lhes podemos chamar é pessoas que sofrem de indigestão. Quando o assim chamado conhecimento e deduções não é digerido, se tornam venenos, pois pertencem ao plano do sansara. No Absoluto, nada há de coisas deste tipo. Então é dito: ‘Na sala de armas do meu soberano não existe nenhuma espada da Talidade’. Todos os conceitos que você formou no passado devem ser descartados e trocados pelo vazio. Onde cessa o dualismo, há o Vazio do Ventre do Tathagata. O termo ‘Ventre do Tathagata’ implica que não pode existir ali o menor espaço de nada.

Do livro Os Registros de Huang Po ou Os Ensinamentos Zen de Huang Po


Bem curioso ele falar Nestes dias de hoje as pessoas somente tentam se estufar com conhecimentos e deduções, buscando por toda parte por conhecimentos de livros e chamando isso de ‘prática do Dharma’ – o hoje dele é o hoje nosso, o hoje é sempre hoje pelo jeito…

Talidade: termo que traduz Tathata, principalmente nas linhagens maaiana, identificando a natureza fundamental do fenômeno ou a realidade última não dual e absoluta, como sendo tal qual e apresentada na mente pura ou desperta (mente luminosa) que enxerga o conhecimento através de Prajña/Jñana, em oposição à ignorância e ilusão:[9] livre de vijñanas e discriminações egoicas; a percepção tal qual é relacionada também ao conceito de Mente-apenas (idealismo). da wikipedia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s