Uma simpatia genuína por si mesmo

Quando você se curva, está tentando esconder o coração, protegendo-o ao tombar. Mas quando você se senta ereto, mas relaxado na postura de meditação, seu coração fica nu. Todo o seu ser está exposto – a você mesmo, em primeiro lugar, mas também aos outros. Por meio da prática de sentar-se quieto e acompanhar a respiração enquanto ela sai e se dissolve, você está se conectando com o coração. Simplesmente se deixando ser como é, você desenvolve uma simpatia genuína por si mesmo. Quando você se senta ereto, você proclama para si mesmo e para o resto do mundo que vai ser um guerreiro, um ser totalmente humano.

– Chögyam Trungpa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s