Plena atenção do esforço ao não esforço

Para ficar de olho em se está distraído ou não, em primeiro lugar, é necessário um esforço de atenção plena. Quando isso lentamente, lentamente se torna habitual, torna-se fácil. Pela atenção plena com esforço, a pessoa é conduzida ao que não exige esforço.

Quando a atenção plena com esforço torna-se autossustentada, ocorre um estado vívido, desperto e sem esforço de estar desperto, sem qualquer necessidade de força ou luta, sem rigidez, apenas naturalmente alerta. Quando você se acostuma, há apenas rigpa* sem distração.

Diz-se: “Sustente a consciência livre primordial com atenção plena natural”. Isso significa, sem se distrair, sem se deixar levar, exatamente como está, descansar livremente. Embora essa não-distração auto-permanente seja chamada de atenção plena, neste contexto não há dualidade.

Tulku Urgyen Rinpoche

*rigpa = É o estado de pura consciência

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s