O apego é a fonte da raiva – Lama Yeshe

P: Alguns psicólogos ocidentais acreditam que a agressividade é uma parte importante e necessária da natureza humana, que a raiva é um tipo de força positiva, mesmo que às vezes traga problemas às pessoas. Qual a sua opinião sobre a raiva e a agressão?

Lama : Eu incentivo as pessoas a não expressarem sua raiva, não a deixarem vir à tona. Em contrapartida, peço às pessoas que entendam o motivo por que ficaram bravas, a causa e como surgiu esse sentimento. Quando você percebe essas coisas, ao invés de manifestá-la externamente, você digere sua raiva. No ocidente, alguns povos acreditam que você começa a se livrar da raiva expressando-a, que você acaba com a raiva quando ela extravasa.

Realmente, nesse caso o que acontece é que você deixa uma marca em sua mente para ficar outra vez irritado. O efeito é justamente o oposto do que se acredita. Parece que a raiva sumiu, mas na verdade você está coletando mais raiva em sua mente. As marcas que a raiva deixa em sua consciência simplesmente reforçam sua tendência a responder às situações com mais raiva. Mas não permitir que a raiva extravase não significa que você a está suprimindo, a acumulando. Isso é também perigoso. Você tem que aprender a investigar a natureza mais profunda da raiva, da agressão, da ansiedade ou o que quer que cause seus problemas. Quando você observar a natureza mais profunda da energia negativa, verá que é realmente, completamente insubstancial, que é apenas mente. Conforme sua expressão mental muda, a energia negativa desaparece, digerida pela sabedoria que compreende a natureza do ódio, da raiva, da agressão e assim por diante.

P: De onde veio o primeiro momento de raiva; a raiva que deixou uma marca após a outra?

Lama : A raiva vem do apego ao prazer dos sentidos. Verifique. Esta psicologia é maravilhosa, mas pode ser difícil de compreender. Quando alguém se aproxima de algo a que você está muito apegado, você se apavora. O apego é a fonte da raiva.

Lama Yeshe no livro Faça de sua mente um oceano

2 comentários em “O apego é a fonte da raiva – Lama Yeshe

    1. Sim, esse ponto que acho interessante demais. Eu mesmo passo por momentos de raiva, é muito difícil lidar. Observar ela sem julgamento e criação de mais pensamentos tem ajudado muito, mas não sei se assim estou reprimindo ou não. Em alguns momentos ela (a raiva) se transforma. Em outros ela some simplesmente

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s