Atenção dentro da natureza da consciência

A clareza, ou consciência natural, faz parte da experiência cotidiana que é difícil de reconhecer. É como tentar ver seus cílios sem usar espelho. Então, como você reconhece isso? De acordo com o Buda, você medita – não necessariamente da maneira que a maioria das pessoas entende. O tipo de meditação envolvida aqui é um tipo de “não-meditação”. Não há necessidade de focar ou visualizar nada.

– Mingyur Rinpoche

do livro “A Alegria de Viver”

Não importa o que você faça, não importa em que situação você esteja – seja andando, sentado, comendo ou deitado – sempre suspenda sua atenção dentro da natureza da consciência não-dual. É isso aí!

– Tulku Urgyen Rinpoche

do livro “As It Is, vol. 1 ”

Permaneça perfeitamente no fluxo natural,
Não há outra concentração.
Perfeitamente perceber o estado natural,
Não há outra sabedoria.

– Patrul Rinpoche

do livro “Palavras do meu perfeito professor”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s