Controlando emoções

Para controlar suas emoções desista da ideia de controle. Emoções são parte de seu ser. Elas ocorrem o tempo todo. Se você conseguisse controlar suas emoções, conseguiria fazer elas pararem. Você conseguiria escolher quais emoções ter e quando. Se esse fosse o caso, você sempre escolheria estar feliz e não teria problemas. Se você quiser escolher ser feliz precisa saber lidar com as emoções não escolhidas como tristeza, medo ou ansiedade. Vale a pena tentar ter controle sobre essas emoções, porque quando elas estão fora de controle elas conspiram para arruinar a sua vida.

Controlar emoções é difícil porque não é fácil dizer o que é uma emoção e o que está tentando controlar isso. Quando você sente o medo, ele toma conta de você. O que deveria estar controlando o medo é consumido por ele. Você simplesmente não pode fazer ele parar porque está tomado pelo medo. Você é o medo. Quando você perceber que é o medo, então você não terá mais medo. Você é algo separado, está seguro, e tem algum controle sobre isso.

Ao prestar bastante atenção aos seus altos e baixos emocionais, poderá ver o “jogo” das emoções. A emoção é separada de você e é separada do pensamento, ou da história que justifica ela. Se você está triste porque seu peixe de estimação morreu, pode sentir tristeza. A tristeza é algo diferente de você e é diferente do fato do peixe ter morrido. Eventualmente você estará feliz e seu peixe ainda estará morto. Isso é somente uma história ligada a essa tristeza. Sua tristeza esteve lá antes com outras histórias e vai retornar com novas histórias.

Quando você presta atenção as suas emoções, ego, pensamentos, histórias, você chega o mais perto possível de controlar suas emoções. Embora não consiga escolher o que sentir nem quando, você conseguirá colocar cada emoção dentro de um contexto, sabendo que você é capaz de sobreviver a todos tipos de emoções que existem. Quando aprender a prestar atenção e encontrar algum conforto mesmo com emoções difíceis, as emoções mais prazerosas de alegria irão florescer com maior liberdade e força, como se você mesmo estivesse escolhido.

Por Peter Taylor (tradução livre com autorização) ****From  Zen Mister Series book, Hear Now.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s