Meditação é a sua verdadeira natureza

D: Uma meditação obstinada é necessária para o fortalecimento da mente?
M: Não, se você mantiver sempre presente a ideia de que não é trabalho seu. Inicialmente, é necessário um esforço para lembrar-se disso, mas, depois, torna-se natural e contínuo. O trabalho vai continuar por conta própria, e sua paz permanecerá intacta.
A meditação é a sua verdadeira natureza. Você a chama de meditação agora, porque há outros pensamentos a distraí-lo. Quando esses pensamentos são dissipados, você permanece só — isto é, no estado de meditação, livre de pensamentos; e essa é a sua natureza real, que você está tentando adquirir agora afastando outros pensamentos. Tal afastar de outros pensamentos é agora chamado de meditação. Mas quando a prática torna-se firme, a sua real natureza mostra-se como a verdadeira meditação.
D: Outros pensamentos surgem com mais força quando se tenta meditar!
M: Sim, todos os tipos de pensamento surgem na meditação. É assim mesmo, pois o que está escondido em você é revelado. A menos que surja, como pode ser destruído? Os pensamentos surgem espontaneamente, por assim dizer, mas apenas para ser extintos, no devido tempo, fortalecendo, dessa forma, a mente.
Evangelho de Ramana Maharshi