A prática da meditação não é sobre tentar jogar fora quem somos – Pema Chödrön

Nós podemos pensar que a meditação vai nos melhorar, mas na verdade é mais sobre aceitar a nós mesmos do jeito que somos agora.

Quando começamos a meditar ou a trabalhar em algum tipo de disciplina espiritual, nós frequentemente pensamos que de alguma forma vamos ser melhores, o que é uma forma sutil de agressão contra aquilo que somos nesse momento. É como se você dissesse “Se eu correr, serei uma pessoa melhor” , “Se eu tiver uma casa melhor, serei uma pessoa melhor” , “Se eu conseguisse meditar e me acalmar, seria uma pessoa melhor”. Ou o cenário pode ser aquele que achamos que encontramos falhas nos outros. Podemos dizer: “Se não fosse pelo meu marido, eu teria um casamento perfeito”, “Se não fosse pelo fato de que eu e meu chefe não nos damos bem, meu emprego seria muito bom” E “Se minha mente não fosse como é, minha meditação seria excelente.”

Mas amor incondicional – maitri* – por nós mesmos não significa se livrar de coisa alguma. Maitri significa que ainda podemos ficar enlouquecidos, ainda podemos ser raivosos. Podemos ainda continuar tímidos ou ciumentos ou nos sentirmos sem dignidade. A prática da meditação não é sobre tentar jogar fora quem somos e tornar-se algo melhor. É sobre fazermos amizade com o que já somos. A base da prática é quem você, eu ou qualquer pessoa é nesse exato momento, do jeito que é. É isso que podemos vir a conhecer com tremenda curiosidade e interesse.

Curiosidade envolve ser gentil, preciso, e aberto – na verdade, ser capaz de deixar ir e estar aberto. Gentileza é um senso de bondade com nós mesmos. Precisão é estarmos aptos a ver com clareza, sem medo de enxergar o que realmente está lá. Estar aberto é ser capaz de abandonar e se abrir. Quando você consegue ter esse tipo de honestidade, gentileza e bondade combinados com clareza sobre si mesmo, não haverá nenhum obstáculo para sentir amor incondicional pelos outros também.

Pema Chödrön

* Maitri para Pema Chödrön – Maitri significa ficar conosco quando não temos coisa alguma, quando nos sentimos uns perdedores. E transforma-se na base para ampliar essa mesma amizade incondicional aos outros.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s