Por favor, dê a si mesmo um bom momento

Precisamos aprender a ser mais gentis conosco, muito mais gentis. Sorria muito, embora ninguém esteja vendo você sorrir. Ouça seu próprio riacho, ecoando você mesmo. Você pode fazer um bom trabalho. Na prática da meditação sentada, quando você começa a ficar quieto, centenas de milhares, milhões e bilhões de pensamentos passam por sua mente. Mas eles simplesmente passam e apenas os dignos deixam seus ovos para trás. Temos que nos dar algum tempo para estar. Você não vai ter a visão de Shambhala, nem vai sobreviver, a menos que reserve um minuto para ser, um minuto para sorrir. Por favor, dê a si mesmo um bom momento.

~ Chögyam Trungpa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s