Quando somos generosos ~ Chögyam Trungpa

A conexão entre a compaixão e o não-ego é em ambos os sentidos. Quando abandonamos o eu, ficamos mais inspirados para trabalhar com os outros; e quando somos generosos com os outros, percebemos que o eu está perdido. Começamos a perder nossa fixação no ego. Então, quando somos generosos com aquilo, começamos a perder isso; e quando perdemos aquilo, nos tornamos mais capazes de lidar com isso. Nesse ponto, a liberação do ego é uma situação mútua.

~ Chögyam Trungpa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s