Livres da dependência – Anthony de Mello

SOBRE A DEPENDÊNCIA Somos capazes de ser livres da dependência. É o que os místicos nos disseram. Porém, não estou declarando que o "eu", o eu condicionado, não retorne às vezes aos seus padrões habituais, pois assim fomos condicionados. Mas surge a questão de saber se é concebível viver uma vida em que alguém está sozinho, … Continue lendo Livres da dependência – Anthony de Mello

Difícil, na verdade, é apenas observar os pensamentos

Ansiamos por paz de espírito. Quando pensamentos indesejados nos assolam queremos erradicá-los. Os pensamentos, no entanto não são o problema. É a ânsia de estar em paz que abre as portas da agitação. Difícil, na verdade, é apenas observar os pensamentos. Nos envolvemos com cenários sedutores. Fugimos de repetições aterradoras. Queremos acabar com esse vício … Continue lendo Difícil, na verdade, é apenas observar os pensamentos

Acendendo a chama da autoconsciência – Krishnamurti

Se você acha difícil estar consciente, então experimente anotar cada pensamento e sentimento que surge ao longo do dia; anote suas reações de inveja, ciúme, vaidade, sensualidade, as intenções por trás de suas palavras, e assim por diante. Use algum tempo antes do café da manhã anotando-as, o que pode necessitar que se vá para … Continue lendo Acendendo a chama da autoconsciência – Krishnamurti

Atenção plena em um ambiente de trabalho movimentado – Thich Nhat Hanh

Pergunta: Como você mantém atenção plena em um ambiente de trabalho movimentado? Algumas vezes parece que não há tempo nem para respirar com consciência. Thich Nhat Hanh: Esse não é apenas um problema pessoal; é um problema da civilização inteira. Por isso temos que praticar não apenas como indivíduos, mas como sociedade. Temos que fazer … Continue lendo Atenção plena em um ambiente de trabalho movimentado – Thich Nhat Hanh

A PRÁTICA DA OBSERVAÇÃO SEM ESCOLHAS DOS PENSAMENTOS E DAS EMOÇÕES

A PRÁTICA DA OBSERVAÇÃO SEM ESCOLHAS DOS PENSAMENTOS E DAS EMOÇÕES 1. Uma mente torturada, frustrada, moldada pelo que a rodeia, que se conforma à moral social estabelecida é, em si própria, confusa; e uma mente confusa não pode descobrir o que é a Verdade. Para a mente descobrir esse estranho mistério — se tal … Continue lendo A PRÁTICA DA OBSERVAÇÃO SEM ESCOLHAS DOS PENSAMENTOS E DAS EMOÇÕES

Como Osho observa a meditação

A Meditação é um processo muito simples: tudo o que você precisa encontrar é o botão certo. Os Upanishads chamam este botão certo de “observar”. Isto consiste em apenas observar o processo da sua mente, não fazer nada, pois nada precisa ser feito. Apenas seja um olhador, um observador olhando o tráfego da mente: pensamentos … Continue lendo Como Osho observa a meditação

Observação e auto-observação de acordo com Eckhart Tolle

Perceber sem nomear As pessoas, em sua maioria, estão apenas superficialmente conscientes do mundo que as cerca, sobretudo quando estão familiarizadas com o ambiente em que se encontram. A voz na cabeça absorve a maior parte de sua atenção. Há quem se sinta mais vivo quando viaja e conhece lugares desconhecidos ou outros países porque, … Continue lendo Observação e auto-observação de acordo com Eckhart Tolle

Osho sobre observar pensamentos, sentimentos e o corpo

"Deva Waduda, a pessoa precisa começar observando o corpo – caminhando, sentando, indo para a cama, comendo. A pessoa deveria começar pelo mais sólido, pois isso é mais fácil, e então deveria se mover para experiências mais sutis. A pessoa deveria começar observando pensamentos, e quando ela ficar especialista em observar pensamentos, então deveria começar … Continue lendo Osho sobre observar pensamentos, sentimentos e o corpo

Da observação à não-mente – Osho

Da observação à não-mente Osho, como o observar conduz à não-mente? Eu estou conseguindo cada vez mais observar o meu corpo, os meus pensamentos e sentimentos e isso é lindo. Mas os momentos sem pensamento são poucos e distantes entre si. Quando eu ouço você falando "meditação é testemunhar", eu sinto que eu entendo. Mas … Continue lendo Da observação à não-mente – Osho